1.1.11

Crises

Quem é que está a ressacar do aparato festivo em torno do 2011? Eu sei que estou. Desculpem-me as crises sazonais de realismo.

7 comentários:

Sofia Aguarela disse...

Há todo um ano para uma (eventual) cura.

André C. disse...

É verdade sim.
Ao contrário do que possa parecer, não sou tão pessimista. Acredito sempre numa cura por muito grande que o mal possa ser.

André C. disse...

Embora, por vezes, acredite que não acredito.

pedro b disse...

"someday there'll be a cure for pain.
that's the day I throw my drugs away."

André C. disse...

Isso veio tão a propósito que nem imaginas. Ou talvez imagines.

Cat disse...

eu imagino

André C. disse...

eu sei que sim :)