1.2.11

Projecto Engordar o Fido Dido #3

Sou um traste. Há mais de um mês que não ponho os pés no ginásio. Se não forem dois já. Facto curioso que, três ou quatro dias depois de ter pago a mensalidade lá do sítio, fiquei doente. Aconteceu em Dezembro e em Janeiro. E sim, podia ter pegado nisto e aquando da recuperação, voltar ao ginásio balofo de orgulho por ter superado uma gripe ou uma amigdalite que me esgotou por mais tempo que o previsto, e ainda assim encontrar forças para persistir... mas não. Acomodei-me, e armei-me em niilista por preguiça e interesse, questionando os motivos de tanta preocupação com a aparência física. Não adianta neste caso, tentei isso, e nunca fui realmente feliz na prática. Aprendi a não gostar do meu corpo e o hábito dos anos custa a sair.

Fazendo uma análise, conclui que, se trabalho de forma mais eficaz sob pressão, tenho de arranjar maneira de aplicá-la ao caso, e mantê-la como forma de motivação, já que não posso contar com o divertimento que retiro dos tais exercícios, maioritariamente porque me sinto engaiolado em betão, enquanto repito à exaustão elevações que nada me aprazem.

Mas, quando a ideia de regressar a uma tristeza motivada por este auto-descontentamento, e conhecendo-a demasiado bem para adivinhá-la cíclica, não é suficiente para manter a pressão, a que posso recorrer que me motive?

9 comentários:

du disse...

parece-me que só precisas de incentivo "forçado" por 2 ou 3 semanas. a partir daí entusiasmas-te com o resultado.

resiste pá. e se calhar, em vez de estoirares dinheiro no ginásio tenta umas corridas urbanas à noite. acredita que é mais divertido ;)

André C. disse...

É isso mesmo. Vou deixar-me de coisas e ver se sigo com isto para a frente sem lamúrias, que de lamúrias estarei eu farto se não fizer nada agora.

Beatrix Kiddo disse...

o que custa é começar...tb me inscrevi n ginásio em Dezembro, não vou há 2 semanas pq estou de férias mas segunda tenciono ir...pq senão nunca mais vou eheh

André C. disse...

Pois é, o começo é sempre o pior. E é como o du diz, é preciso é uma boa dose de incentivo forçado. Eu que depois disto, em jeito de resolução, ia começar a sério, estou agora novamente embrulhado em cobertores com 41 de febre sem forças para pestanejar sequer...

Bolacha disse...

Mas será que eu sou a única pessoa que vai ao ginásio duas a três vezes por semana durante todo o ano?

du disse...

não bolacha, mas dadas as condições actuais do país são cada vez menos as pessoas que fazem isso, pelos mais diversos motivos.

muitos por falta de coragem/motivação e preguiça, outros simplesmente porque não têm tempo para isso com tantas horas de trabalho.

e ir ao ginásio também não é a melhor coisa, quanto a mim. parece-me mais importante praticar um desporto (sem ser a nível de reformado, claro)

Mexiquer disse...

corridas urbanas a noite é giro, trust me, eu sei disso ahahah ginásio não é facil pos magrinhos como nós sabes comé curto :p Eu a um ano e meio no atletismo e no ginásio e nao me ves grandes diferenças. Já nem sei! Os musculos gostam tanto de ser assim que já não me obedecem lol

André C. disse...

Entendemo-nos. Mas olha que tu podes não notar, mas já se vêem diferenças em ti.

No outro dia fui ao parque da paz para aclarar as ideias, e vim de lá a pensar que se calhar devia começar a fazer por lá umas corridas e umas caminhadas. Ali tão perto de minha casa, acho que é de aproveitar. Por uns tempos desisti do ginásio, e comecei a dar uso a uns pesos que tinha para aqui a apanhar pó. Vou ver se mudo a ideia aos músculos, e ver se os ponho a pensar que se crescessem um bocadinho ficávamos todos mais felizes :)

Mexiquer disse...

parque da paz à noite é que nao aconselho :p
Eu noto diferenças, as outras pessoas e que nao notam ahha